Brincadeira: Criando model sheet


Em primeiro lugar, achei muito engraçado os comentários de meus amigos e fiquei feliz em saber que não sou o único com “instintos” de cão anti-social. 😉

A verdade é que o que eu gostaria de fazer mesmo é simplesmente escrever. Deixar esse trabalho de divulgação, procura de desenhista, edição, vendas e distribuição para editores de verdade. Mas, como vivo no Nordeste e no Brasil, vamos levando a vida do jeito que dá.

Hoje venho fazer uma experiência.

Tenho um roteiro de uma série que já estou escrevendo a quarta hq e, até agora, não consegui desenhista para ela. Alguns já passaram por ela mas nenhum nunca chegou a concluir uma hq sequer. Alguns rascunho foram feitos e até uma página a lápis conseguiu ser produzida mas não passou disso.

Por isso, venho através desse blog fazer um convite/desafio: gostaria que fosse criado/desenhado um model sheet do personagem principal da série. O model sheet escolhido irá colocar o desenhista como CO-CRIADOR do personagem. Se houver dois desenhos muito parecidos, o que valerá será a data que o desenho chegou em minhas mãos.

Paralelamente a isso, irei colocar aqui uma página do roteiro por dia par, se houver alguém que se interesse, possa ler a primeira hq do personagem. Trata-se de uma hq de apenas 8 páginas.

Agora, vamos aos detalhes.

A SÉRIE

A série “Memórias do Mestre do Mal” trata da história de um mundo com super-heróis a partir da perspectiva do vilão. Neste mundo, um vilão, o Mestre do Mal, rompe com as convenções das histórias de super-heróis e mata impiedosamente seus inimigos (os super-heróis ou qualquer um que cruze o seu caminho). E, em virtude de suas atitudes frias e assassinas, acaba se tornando o rei do mundo no futuro. Memórias do Mestre do Mal tem a intenção de mostrar tanto o passado do Mestre do Mal, suas escolhas, seu caráter (Ou a falta dele), sua vida e suas lutas até quando ele se tornou o rei do mundo. Também existe a intenção de mostrar a vida do Mestre do Mal no futuro como o rei do mundo onde ele o governa com mão de ferro. Memórias do Mestre do Mal não se trata de uma história de super-heróis ou de super-vilões. Trata-se de uma história de pessoas, escolhas, cinismo, esperança (ou a falta dela) e de sentimentos.

As 3 primeiras hqs (Todas de 8 páginas) foca mais em ação e confrontos entre o Mestre do Mal e super-heróis. A partir da quarta hq (de 22 páginas), começo a focar nos dramas do personagem principal e os heróis e vilões ficam a um segundo plano.

 

O MESTRE DO MAL (ou MR. BAD GUY)

Eu mencionei que a série foi escrita pensando no mercado americano? Com o advento dos quadrinhos digitais, esta não é uma idéia tão absurda e eu acho que até existe mais chance da série ser consumida e apreciada do que se eu publicar apenas aqui no brasil e de forma impressa.

Mestre do Mal(o Rei no passado):

Nome: Frank Black

Perfil Psicológico: Pessoa má, invejosa, depressiva, orgulhoso mas com uma incrível força de vontade. É decidido, inteligente, inseguro, viciado em drogas e em jogos de azar. Não tem nenhum caráter e nem pudor. É capaz de matar, estuprar e mentir sem o menor remorso.

Perfil Físico: Cabelos negros, curtos, cerca de 2 metros de altura, é forte mas não é um hulk. Está mais para um Demolidor(no corpo). Barba geralmente por fazer, olhos castanhos. Idade : 26 anos.

Uniforme: Penso numa espécie de mix entre o uniforme do Meia-Noite do authority com um smile zangado no peito e na testa dele. Mas pode variar um pouco e acrescentar alguma cor e/ou algum acessório.

Habilidades Especiais: O Mestre do Mal tem a estranha capacidade de reestruturar partes perdidas de seu corpo. Por exemplo, se uma bomba explodir seu corpo em pedaços, esses pedaços acabam voltando para o seu corpo e regenera-se novamente. Caso sofra um corte e seu sangue respingue para fora, o mesmo volta para o seu corpo e o corte se fecha. Em virtude disso, o Sr.malvado é indestrutível. Mas, apesar disso, ele continua envelhecendo como uma pessoa normal e, eventualmente, morrerá de velhice.

 

Pronto, baseado nessas informações, você, desenhista, pode criar o model sheet (Frente, lado e verso do personagem) e mandar para meu E-MAIL  . O prazo é até a próxima sexta-feira (16/03/2012).

 

Título da série: “Memórias do Mestre do Mal.” memoires of mr bad guy

Título da história: “FRANK” FRANK

Créditos: Roteiro de Leonardo Santana. Desenhos de <Nome do desenhista>. Tradução para o inglês por MARCELO SARAVÁ. Revisão final de <nome do revisor>.


Roteiro

 

Obs: o LAYOUT SUGERIDO É APENAS UMA SUGESTÃO. VOCÊ DEVE E PODE MONTAR A PÁGINA DA FORMA QUE ACHAR MELHOR PARA A HISTÓRIA. AFINAL DE CONTAS, VOCÊ É O DIRETOR DE ARTE.

obs 2:  parte da história que se acha no “presente”, deve ser “colorida” e mais normal (mais clara). a parte em flashbck tem que ser mais “dark” e mais carregada (Mas escura).

Página 1

Quadro 1

Interna. Dia. Estamos dentro de um quarto ou de um escritório de um prédio luxuosíssimo. Mesmo sendo de dia, as persianas estão fechadas, deixando o cômodo escuro com apenas alguns filetes de sol trespassando por elas. Apesar de luxuosíssimo, não vemos nenhum móvel neste amplo cômodo a não ser uma poltrona e uma mesa e, sobre a mesa, uma máquina de escrever antiga, como não se fazem mais.  Acima da máquina de escrever, vemos uma luminária descendo do teto e pairando exatamente sobre a máquina de escrever e sobre a mesa, iluminando-as. A idéia é dar a esses móveis um ar de abandono e, ao mesmo tempo, de importância. De destaque. Por isso eles aparecem sozinhos nessa cena.

Sem textos ou diálogos.

 

Quadro 2

Mesma cena anterior. Sendo que agora, vemos o rei puxando a poltrona. Ele está se preparando para sentar. Ele veste-se apenas com cuecas samba-canção(Embora não necessariamente seja preciso mostrá-las) e um luxuoso robe masculino de seda azul marinho.

Sem textos ou diálogos.

 

Quadro 3

Close em suas mãos já digitando na máquina de escrever mas não vemos o papel. Apenas suas mãos e as teclas da máquina de escrever.

Onomatopéia: tec tec tec tec tec

Texto: “Não há DEUS.” (*) There is no god.(**)

(*) Obs: Todos os textos que aparecerem depois do rótulo “TEXTO” devem aparecer com uma fonte típica de uma máquina de escrever para dar ao leitor a certeza que e trata de um texto escrito na máquina de escrever que aparece no início da história.

(**) Obs: O texto em inglês refere-se a tradução do texto em aspas visando a letreirização da hq em inglês se for o caso.

 

Quadro 4

Plano médio fechado no rei cabisbaixo escrevendo. Seu rosto está envolto na sombra e, atrás dele, pela primeira vez, temos uma idéia de onde estamos. Alguns metros atrás dele, vemos  a porta aberta dando para outro cômodo. Este novo cômodo é um também imenso e luxuoso quarto mas, ao contrário deste onde o rei encontra-se digitando, o quarto em anexo possui toda a mobília de um luxuoso quarto de dormir. Portanto, vemos uma cama e, sobre ela, alguém dormindo. Mas talvez não dê pra colocar tanta informação em um só quadro e, por isso,se for o caso, pode omitir a parte da mulher dormindo deixando-a para mostrar mais a  frente no próximo quadro.

Texto: “Não há diabo.” there is no devil.

 

Quadro 5

Agora sim, colocamos a informação que faltava para completar a ambientação da história. Vemos um plano invertido onde podemos ver uma belíssima mulher semi-nua adormecida de costas para a porta do cômodo onde o rei continua escrevendo sua história. Portanto, vemos a mulher com apenas um suave e fino lençol de seda a cobrir-lhe o corpo e, ao fundo, vemos o rei no outro quarto digitando.

Onomatopéia vindo do quarto onde o rei está digitando: tec tec tec tec tec

Texto: “Não existe o bem. Não existe o mal.” there´s no good. there´s no evil.

Texto: “Não existe esta coisa de destino e nem certezas absolutas.” there are no such things as destiny or absolute certainties.

 

Quadro 6

Close no rosto sombrio do rei sério e assustador.

Texto: “Como eu sei de tudo isso?” How do i know this?

Texto: “Eu vou lhe dizer…” i’ll tell you…

 

Continua em um outro post…

Rascunho feito em 2012 por Rosendo Caetano

Rascunho feito em 2012 por Rosendo Caetano

Anúncios

Um comentário sobre “Brincadeira: Criando model sheet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s