Contos do Absurdo

Já está no ar o mais novo projeto voltado para o terror nacional. Trata-se do site/revista CONTOS DO ABSURDO onde eu publico um roteiro inédito desenhado por Mário Mancuso.

Agora, vamos a maiores detalhes tirados do press-release do projeto:

“Em sua primeira edição, a CONTOS DO ABSURDO traz as histórias: A Dama de Pedra, de Maria Godoy e Rodolfo Zalla; Para Provarque Deus Existe, de Giorgio Galli; A Noiva do Terror, de Jerônimo Souza e A. Lima; A Noite da Caça, de Leonardo Santana eMario Mancuso; Ungeheuer, de Leonardo Mello e Pancho; Doce Dulce, de Moacir Novaes e H-Minus; O Verme e o Plebeu, de Mario Mancuso e Bira Dantas; Succubus, de Ricardo Fonseca, além dos contos A Loira do Banheiro de Alexandre da Costa,Cérebros de Odracir Camargo, Infidelidade de Mario Mancuso e Do fundo do Coração de Moacir Novaes. A revista conta aindacom as ilustrações Frankenstein e Monstros do Cinema, de Marcel Bartholo e tem a capa assinada por Al Stephano. Destaque para aparticipação especialíssima de Rodolfo Zalla e Maria Godoy, dois dos principais criadores da HQ nacional de horror e aventura.

Onde encontrar?

A CONTOS DO ABSURDO será publicada digitalmente, tanto para leitura on-line quanto para download, no site http://www.contosdoabsurdo.com.br. No site, além da revistas, os visitantes podem acessar a biografia dos autores, ler matérias sobre o Horrornas HQs e em outras mídias, além de notícias relacionadas ao assunto. E o melhor: todo o conteúdo é inteiramente grátis.
Serviço

Contos do Absurdo
Diversos Autores; editada por Mario Mancuso
90 pgs., cor & PB”

O que está esperando? Visite o site e baixa agora mesmo a sua edição em PDF totalmente “de” grátis.

 

Anúncios

Making off: A galega de Santo Amaro

Segue mais uma imagem de um roteiro do projeto RECIFE ASSOMBRADO que está sendo desenhado por ARNALDO LUIZ. Trata-se da história ADEUS CARMINHA…, baseada num conto de ROBERTO BELTRÃO que conta a história da GALEGA DE SANTO AMARO, um fantasma de uma belíssima mulher que atraía os homens para o Cemitário de Santo Amaro, no bairro do Recife.

A imagem não está muito boa por que foi pega a partir de uma fotografia (Arnaldo é avesso à todo tipo de tecnologia).

Página de roteiro de Planetary 27 de Warren Ellis

Scan da Página do Planetary 27 traduzida e diagramada pela equipe do Action Comics

PAGE ONE

Pic 1
Three page-wide pics: The Planetary Building, NYC, in the afternoon sun, like a bright glass needle poked into the middle of Manhattan:

JAGGED (NO TAIL)

— RUSH TRIALS OF THE SO-CALLED “ANTI-CANCER” TREATMENT
DEVELOPED BY THE PLANETARY ORGANISATION —

JAGGED (NO TAIL)
— NEW YORK OFFICES OF THE PLANETARY ORGANISATION
TODAY DEMONSTRATED A CHEAP ELECTRICAL LEVITATION
SYSTEM WITH APPLICATIONS IN —

JAGGED (NO TAIL)
— NEW ORLEANS, THE PLANETARY ORGANISATION’S “SUPER-
FABBER” FOR GENERATING INSTANT TEMPORARY SHELTERS —

Pic 2
INT. CORRIDOR: people rushing both ways down the corridor, carrying files, stacks of paper, tablet computers, busy busy busy…

JAGGED (NO TAIL)

— LEGAL CHALLENGES TO THE PLANETARY ORGANISATION’S
“LIFE STATIONS,” COMMUNITY DEVICES THAT PROVIDE WATER,
BASIC PROTEIN, HEATING AND LIGHT FOR FREE —

JAGGED (NO TAIL)
— TOWARDS THE END OF ITS NINE-MONTH VOYAGE
TO MARS, CARRYING, MOST FAMOUSLY, THE PLANETARY SOCIETY’S
“QUNET” DEVICE FOR INSTANT COMMUNICATION ACROSS DEEP SPACE —

JAGGED (NO TAIL)
— PLANETARY SOCIETY’S “HYPER-COLLIMATION” SHEETS,
CARBON FABRICS THAT BECOME BOMBPROOF SHIELDS —

Pic 3
INT: BIG LECTURE HALL: where the DRUMMER addresses a room full of techies all holding tablet computers — behind him, a wall-size flat-panel display of computer file folders, arranged almost like the petals of a chrysanthemum:

DRUMMER

— INTO FILES TEN THOUSAND TO TEN NINE HUNDRED
NINETY NINE. THAT’S THE TWENTY PERCENT MARK.

DRUMMER
ONE YEAR, TWENTY PERCENT OF THE RANDALL
DOWLING DATABASE EXPLORED.

DRUMMER
ELIJAH’S GOING INSANE OVER THIS. I’M KEEPING YOU
COVERED, BUT, SERIOUSLY, DEPARTMENT HEADS, YOU
NEED TO CONSIDER HIRING MORE BODIES —

Fonte: tp://www.warrenellis.com/?p=4459 – Acesso em 21/10/2011.

Warren.com (Site oficial do roteirista Warren Ellis)

Tradução livre por Leonardo Santana

PÁGINA UM

Img 1
Três imagens horizontais: Edifício do Planetary Building, Cidade de Nova York, numa tarde ensolarada, como uma brilhante agulha de vidro fincada no centro de Manhattan:

(BALÃO)DENTEADO(SEM RABICHO)

— TESTES RÁPIDOS DO ENTÃO CHAMADO TRATAMENTO “ANTO-CÂNCER” DESENVOLVIDO PELA ORGANIZAÇÃO PLANETARY —

(BALÃO)DENTEADO(SEM RABICHO)

— OS ESCRITÓRIOS DA ORGANIZAÇÃO PLANETARY DEMONSTRARAM HOJE UM SISTEMA DE LEVITAÇÃO ELÉTRICA BARATO COM APLICAÇÕES EM –-

(BALÃO)DENTEADO(SEM RABICHO)

— NOVA ORLEANS, O “SUPER-FABBER” DAS ORGANIZAÇÕES PLANETARY PARA GERAÇÃO INSTANTÂNEA DE ABRIGOS TEMPORÁRIOS–

Img 2
INT (Interior). CORREDOR: pessoas andando apressadas para ambos os lados do corridor, carregando arquivos, pilhas de papéis, computadores tablets, ocupados, ocupados, ocupados…

(BALÃO)DENTEADO(SEM RABICHO)

— DESAFIOS LEGÍTIMOS ÀS “ESTAÇÕES DE VIDA” DAS ORGANIZAÇÕES PLANETARY, DISPOSITIVOS COMUNITÁRIOS QUE FORNECEM ÁGUA, PROTEÍNAS BÁSICAS, AQUECIMENTO E LUZ DE GRAÇA —

(BALÃO)DENTEADO(SEM RABICHO)

— NO FINAL DO NONO MÊS DE SUA VIAGEM PARA MARTE, CARREGANDO O FAMOSO DISPOSITIVO “QUNET” DA SOCIEDADE PLANETARY PARA COMUNICAÇÃO INSTANTÂNEA ATRAVÉS DO ESPAÇO PROFUNDO —

(BALÃO)DENTEADO(SEM RABICHO)

— FOLHAS “HIPER-COLIMADAS” DA SOCIEDADE PLANETARY, TECIDOS DE CARBONO QUE SE TRANSFORMAM EM ESCUDOS A PROVA DE BOMBAS —

Imgc 3
INT (Interior): UM GRANDE SALÃO DE PALESTRAS: Onde o BATERISTA fala para uma sala cheia de técnicos em tecnologia onde todos seguram computadores tablet – atrás dele, uma parede  feita de uma tela plana exibe pastas de arquivos de computador arranjados quase como se fossem petalas de um crisântemo:

BATERISTA

— EM ARQUIVOS DE 10 MIL A  10.999. ESTÁ É UMA MARCA DE 20%.

BATERISTA

UM ANO, 20% DO BANCO DE DADOS DE RANDALL
DOWLING FOI EXPLORADO.

BATERISTA

ELIJAH ESTÁ FICANDO MALUCO COM ISSO. EU ESTOU SEGURANDO A ONDA DE VOCÊS MAS, FALANDO SÉRIO, CHEFES DE DEPARTAMENTO, VOCÊS PRECISAM CONSIDERAR CONTRATAR MAIS GENTE –

CONSIDERAÇÕES:

Antes de mais nada, se alguém souber de uma tradução melhor para DENTEADO, por favor me avisa, ok?

Em primeiro lugar, a formatação usada por warren Ellis se parece bastante com a formatação usada por roteiristas de cinema e televisão. Texto centralizado, identificação dos personagens antes das falas acima do texto falado, letras maiúsculas nas falas.

Em Segundo lugar, o que mais me chamou a atenção foi como o texto de Warren Ellis é (ou está) enxuto. Ele não coloca muitos detalhes para as cenas. Apenas o extritamente necessário. Não sei se ele conversa pessoalmente (e bastante) com o desenhista (John Cassaday) ou se ele simplesmente confia demais no sujeito. Caso não seja nenhuma dessas duas coisas então devo dar os parabéns ao Warren por conseguir passar as coisas para o desenhista de forma tão suscinta.

A última impressão que quero destacar do roteiro é a linguagem leve e colloquial do roteirista. Esse tipo de comunicação é extremamente agradável para quem lê e para quem vai desenhar.

Então, se todos os scripts do velho bastardo forem semelhantes a este, podemos dizer que ele consegue o máximo com o mínimo, numa languagem rápida e leve.

Trabalhos publicados e outros a publicar

Olá pessoal,

hoje estou aqui para dar um aviso e para mostrar prévias dos trabalhos que estão sendo produzidos recentemente.

O aviso é que comecei a colocar uma relação com meus trabalhos publicados. Ainda está incompletae falta diagramá-la melhor (Colocar imagens e outros detalhes) mas vocês já podem começar a conferir.  Basta clicar aqui.

E, agora, como prometido, seguem algumas prévias de roteiros meus que estão produzidos ou sendo produzidos e, em breve, vão ser publicados.

A noite da caça, com arte de Mário Mancuso. Será publicada na revista/site Contos do Absurdo.

 

Acerto de contas que está sendo desenhada por Sandro Marcelo (Criador da revista Campana) e que vai ser publicada no site Recife Assombrado.

 

Estudo de personagens para a hq Como matar um fantasma?, desenhada por Milson Marins e que vai ser publicada no site Recife Assombrado

Um comentário interessante a respeito dessa produção de roteiros para o Recife Assombrado é que me obriga a olhar um pouco mais para a minha cidade, redescobri-la de uma outra forma e conhecê-la melhor. E, quando começamos a fazer isso, percebemos o quão rica é a nossa cultura e como ela pode render histórias e temas maravilhosos.

Em breve estarei divulgando maiores informações a respeito dessas duas frentes: O Contos do Absurdo e o Recife Assombrado.

 

S.O.B.

ia me esquecendo de dizer: estou traduzindo o F.D.P. para o inglês.

E é um trabalho F.D.P.! Não só a tradução em si, mas a parte de editoriação no photoshop! Não nasci para isso! Argh!

Algumas adaptações tiveram que ser feitas. por exemplo, Fernando Drummond Pessoa se transformou em Samuel Octavius Barreto. E o pai do F.D.P./S.O.B., embora continue sendo um militar, passou de fã de Fernando Pessoa para história grega.

É um trabalho lento e cansativo. E ainda estou na página 6. Eu só traduzo uma página por vez e, mesmo assim, quando 1) me lembro, 2)estou com tempo e 3) estou com disposição. E para esses três fatores se alinharem é uma complicação!

De qualquer forma, estou fazendo a bagaça e, quando terminar, devo passar para alguém revisar meus erros de tradução.

Por enquanto, fiquem com a nova capa.

Nova capa do F.D.P. em inglês.

Novidades

Puxa! já faz um tempinho desde que estive aqui, hein? Eu realmente gostaria de atualizar mais meu blog, de fazê-lo ficar mais interessante mas sou tão desorganizado que estou sempre com um milhão de coisas para fazer.

Mas vamos aproveitar enquanto o power point travou para eu falar algumas novidades.

No mês passado estive no Omake ministrando uma oficina de roteiro e foi muito legal. Pude melhorar minha apresentação e oferecer mais exemplos reais para os leitores.

Também tive a idéia para duas novas apresentações: uma mostrando e debatendo roteiros reais de escritores famosos e a outra  dando dicas de como adaptar livros, filmes e games para os quadrinhos.

Este mês de maio devemos participar de mais alguns eventos como o dia da toalha mas não sei se a apresentação fica pronta até lá.

Estou escrevendo mais um roteiro para o Recife Assombrado.

Ah, e arranjei um desenhista para Memórias do Mestre do Mal. Assim que tiver alguma coisa, mostro para vocês. E prometo colocar o resto do roteiro aqui para vocês.

Acho que agora em Abril sai a revista Contos do Absurdo com uma hq minha.

Acho que é só.

Amanhã tem reunião da P.A.D.A. e temos algumas decisões importantes para tomar.

Fui!