F.D.P. 2 – Vícios e Virtudes, Página 16 adicionada

Uma pequena pausa na luta entre Fernando e Demóstenes para que possamos acompanhar o dilema em que Diana se colocou. Uma ideia fixa que pode render problemas para ela e para Fernando no futuro. De quebra, aproveitamos para conhecer o apê de Diana. Eu ainda não disponibilizei a ficha de Diana (Falha minha, vou ver se publico em breve) mas Diana, apesar de ser repórter, vem de uma família milionária (O que pode ser visto pela passagem em seu luxuoso apartamento).

F.D.P. 2 – Vícios e Virtudes. Página 16, arte de Rosendo Caetano, letras de Leo Santana.

Segue a página dessa semana. Para ler o que foi publicado até agora, clique aqui: https://roteiristaleo.wordpress.com/hqs-on-line/f-d-p-2-vicios-e-virtudes/

Peço desculpas pela demora e pela página não estar colorida. Como havia mencionado no início da publicação da hq, iria publicar toda a hq mesmo que não conseguisse colorir tudo até o final.

FDP_02_Pag_16_Rosendo_Caetano

As Novas Amazonas – Um pouco de sua confusa e não publicada cronologia

Página da hq HOMEM BOM É HOMEM MORTO, desenho por RICARDO ANDERSON

Página da hq HOMEM BOM É HOMEM MORTO, desenho por RICARDO ANDERSON

As Novas Amazonas é uma criação minha que ganhou a vida através das mãos de Ricardo Anderson e foi publicada pela primeira vez em 2006 na revista “A Mosca no Copo de Vidro e outras histórias…”, editada por Eloyr Pacheco.

Na breve história de 8 páginas intitulada “Homem bom é homem morto”, vemos homens sádicos perseguindo uma mulher e sendo salva por um grupo de mulheres auto-intituladas “As Novas Amazonas”.

O segundo roteiro escrito foi intitulado “Histórias antigas” e trata-se de uma história de origem. Nela vemos uma rápida explicação de como o mundo ficou desse jeito e acompanhamento Helena contando para a nova integrante do grupo um pouco de sua história. Essa hq tinha 15 páginas e ficou hibernando por muitos anos (como quase todos os meus trabalhos) e até chegou a ser desenhada por um grande amigo meu para ser publicada numa edição da revista “Space Opera” que eu editava mais ou menos em 2008 porém o projeto acabou sendo abandonado.

Então, em 2012 (eu acho), surgiu a oportunidade de escrever uma hq de 5 páginas para um projeto do grupo independente “Quarto mundo” e eu imediatamente pensei num roteiro de poesia e violência entre duas integrantes do grupo. O roteiro era intitulado “Mais intenso que a vida, maior que a própria morte” e foi desenhada por ninguém mais, ninguém menos, por Allan Goldman. Porém, uma vez mais o projeto foi abandonado. Algum tempo depois, um outro editor de um projeto de ficção científica pediu uma hq curta e eu lhe mandei essa hq. A princípio ele me disse que a proposta não cabia dentro da desejada pela revista mas depois voltou atrás e disse que poderia usar a hq desde que a mesma tivesse 8 páginas. Depois de muito matutar em como aumentar a quantidade de páginas sem mexer na proposta e emoção da história, mandei a nova hq que ficou em banho maria por alguns meses e o projeto acabou sendo cancelado. Ela ainda voltaria a ser cogitada pelo mesmo editor no final do ano passado para ser usada em outro projeto mas, até agora nada.

Detalhe de página da hq MAIS INTENSO QUE A VIDA, MAIOR QUE A PRÓPRIA MORTE..., desenhada por ALLAN GOLDMAN.

Detalhe de página da hq MAIS INTENSO QUE A VIDA, MAIOR QUE A PRÓPRIA MORTE…, desenhada por ALLAN GOLDMAN.

Decidido a publicar minhas hqs em meu blog, tentei retomar a publicação das novas amazonas e perguntei ao desenhista da segunda hq se poderíamos publicar após algumas mudanças mas ele achou melhor não usar a hq por que ele já tinha evoluído bastante desde a produção da hq e sugeriu que eu procurasse outro desenhista para recomeçar a hq do zero. Não o culpo por isso. A hq realmente ficou no limbo por anos.

Para não se perder, segue a cronologia das novas amazonas até o momento:

1) Homem bom é home morto: publicada nas revistas “A mosca no copo de vidro e outras histórias” e na “Space Opera 1”. Essa hq eu pretendo publicar no blog logo após a hq do FPD;

2) Antigas histórias: Em produção (Vide imagens abaixo), ainda não publicada;

3) Mais intenso que a vida, maior que a própria morte: Pronta mas ainda não publicada.

 

Assim sendo, chegamos ao dia de hoje onde publico os primeiros esboços da segunda hq das amazonas. Os desenhos são do desenhista Alex Barros.  Espero que gostem. Eu gostei. Vamos torcer para que os deuses dos quadrinhos permitam que eu consiga terminar essa hq.

Detalhe de Helena por Alex Barros para a hq "histórias Antigas" das Novas Amazonas

Detalhe de Helena por Alex Barros para a hq “Antigas Histórias” das Novas Amazonas

Detalhe  da hq "histórias Antigas" das Novas Amazonas por Alex Barros

Detalhe da hq “Antigas Histórias” das Novas Amazonas por Alex Barros

Detalhe  da hq "histórias Antigas" das Novas Amazonas por Alex Barros

Detalhe da hq “Antigas Histórias” das Novas Amazonas por Alex Barros