Histórias Fantásticas n. 1

Recebi nesta sexta-feira meu pacote com as revistas Histórias Fantásticas n.1, editada por Silvio Ribeiro. Tive uma pequena participação na história “50 tons de vermelho” , história escrita e ilustrada por Mauro Barbieri (Meu parceiro também na hq dAs Novas Amazonas intitulada “Cães Selvagens”). O Mauro chegou com a hq pronta e me pediu para colocar um texto nela. Tudo o que fiz foi me divertir um pouco em cima do tema “50 tons de cinza” e o resultado final ficou bem legal.

Quanto à revista Histórias Fantásticas, fiquei realmente surpreso com a edição. A revista parece um magazine europeu (28×21 cm)  com uma capa belíssima do próprio Silvio Ribeiro e conta com a participação de gente muito boa dos quadrinhos nacionais como: Alan Faria, Fernanda Reche, Gilvan Lyra, Henry Jaepelt, Rom Freire além do próprio Silvio Ribeiro e a participação mais do que especial do grande mestre dos quadrinhos nacionais Júlio Shimamoto.

O trabalho editorial do Silvio Ribeiro é excelente. A revista é bonita, bem diagrama e em papel couchê. Ao mesmo tempo tem algo de nostálgica nela: Parece que estamos pegando uma das revistas da editora Vecchi ou da Grafipar mas com acabamento de uma Metal Hurlant. As histórias e contos são bem interessantes e a única sugestão é para, no futuro, permitir histórias mais longas (Com 10 a 20 páginas) para que as histórias possam se desenvolver melhor.

Enfim, se você não adquiriu ainda a sua contos fantásticos, recomendo fortemente que você o faça antes que a edição se esgote. Material assim é peça fundamental na gibiteca de qualquer leitor.

Queria agradecer ao Silvio Ribeiro pelo fantástico projeto e pelas edições de cortesia e gostaria de agradecer também ao Mauro Barbieri pelo convite.

Para adquirir a sua edição comigo por R$ 15,00 (com frete incluso para todo Brasil) basta me mandar um e-mail em particular ou uma mensagem no facebook para que eu informe quais os dados bancários para depósito. Mas mande logo por que eu só tenho 10 edições disponíveis.

Anúncios

Cabala em “Dormir, talvez sonhar”, Página 3

Detalhe - Dormir, talvez sonhar (Por Leo Santana e Wendell Cavalcanti) Página 03

Detalhe – Dormir, talvez sonhar (Por Leo Santana e Wendell Cavalcanti) Página 03

Cabala encara o seu primeiro desafio. Uma esfinge que não tem questões, apenas uma certeza: quem tentar invadir os domínios de seu mestre deve ser eliminado.

Com roteiro meu e arte de Wendell Cavalcanti. Esta hq é atualizada semanalmente e para lê-la, clique aqui.

Por favor deixem seus comentários. Eles são muito importantes para mim.

Se gostou e quer ajudar, compre minhas revistas na seção Revistas à Venda.

A história do/no Brasil em duas abordagens completamente diferentes

Atualmente estou escrevendo um roteiro sobre a invasão holandesa em Pernambuco, que aconteceu no ano de 1630. Debruçando-me sobre o assunto, fiquei maravilhado com a incrível aventura (digna de um filme de Hollywood) sobre a luta esganiçada que aconteceu aqui no Nordeste entre Pernambucanos e Holandeses: Uma luta cheia de reviravoltas, personagens fortes e muita, muita ação.

Minha intenção é escrever um roteiro com cerca de 60 páginas (já estou na 34) e tentar me juntar (ou sub-contratar) a um ilustrador Pernambucano para depois, quem sabe, correr atrás de uma editora ou lei de incentivo cultural para produzir o material. A intenção de usar um ilustrador Pernambucano é, a princípio, para podermos nos encontrar e trocar mais informações “in loco” nas locações onde as batalhas realmente aconteceram.

O nome deste projeto é: “PERNAMBUCO HOLANDÊS PARTE 1 – A QUEDA DE OLINDA”

Há alguns meses atrás, surgiu uma possibilidade de interesse de uma editora e eu corri para encontrar um ilustrador para apresentar ao menos as primeiras páginas e consegui do amigo e parceiro Mauro Barbieri algumas amostras. Infelizmente a proposta não foi totalmente aceita e, atualmente, encontra-se em análise de viabilidade por parte da editora.

Neste roteiro estou focando na queda de Olinda e Recife nas mãos dos Holandeses. Minha intenção é, se houver aceitação, apresentar mais dois projetos: A resistência Pernambucana durante o domínio holandês e a Batalha dos Guararapes que expulsou os invasores de Pernambuco.

Curiosamente, há mais ou menos 10 anos atrás, eu tive uma ideia de fazer um outro roteiro que também se passava no litoral Brasileiro no século XVII. Porém, a abordagem desta outra aventura tinha uma conotação um pouco mais…como direi…sexual! Tratavasse de uma aventura de uma donzela em perigo recheada com muito sexo explícito e humor.

O título da série era “As aventuras Amorosas de Josefina”.

Este trabalho chegou a ser iniciado e duas páginas foram produzidas pelo grande Allan Goldman (Além de outras rascunhadas) mas por diversas razões o projeto acabou perdendo força e diminuindo o interesse por ambas as partes (minha e dele). Eu acabei perdendo o roteiro e a única cópia que sobrou foi uma versão impressa que o Allan  imprimiu. Em algum momento nestes últimos 10 anos solicitei esta cópia e ele me enviou e, desde então, ela tem estado guardada em meus arquivos.

Aconteceu que me deu vontade de retomar esta ideia maluca. Ora, os Europeus fazem isto o tempo todo. Senão, vejamos: Pichard, Crepax, Serpieri, Manara, etc.

Estou reescrevendo e adaptando a série e até a rebatizei para “AS AVENTURAS ÍNTIMAS DE JOSEFINA”. A ideia agora é transformar o sexo de explícito (hardcore) para simulado (softcore). Não sei se vai funcionar mas como venho trabalhando ultimamente sem a pretensão de ganhar dinheiro ou fazer sucesso, decidi que o melhor é estar fazendo o que me diverte. E estou me divertindo um bocado com tudo isto.

Infelizmente, meu trabalho real, no Tribunal de Justiça, tem me tomado muito de meu tempo e de minha força. Tenho chegado em casa exausto e sem disposição para quase nada. decididamente não para me jogar no que eu gosto mais de fazer: escrever. Mas espero retomar meu ritmo normal em breve.

Por enquanto, fiquem com amostras passadas destes dos dois projetos que não foram aproveitadas.

Cabala em “Dormir, talvez sonhar”, Página 2

Detalhe – Dormir, talvez sonhar (Por Leo Santana e Wendell Cavalcanti) Pag 02

Detalhe – Dormir, talvez sonhar (Por Leo Santana e Wendell Cavalcanti) Pag 02

Cabala parece estar próxima do ponto de origem que tem causado estranhos acontecimentos e grande problemas em todo o Brasil. E, quanto mais perto, mais perigos a esperam.

Com roteiro meu e arte de Wendell Cavalcanti. Esta hq é atualizada semanalmente e para lê-la, clique aqui.

Por favor deixem seus comentários. Eles são muito importantes para mim.

Se gostou e quer ajudar, compre minhas revistas na seção Revistas à Venda.

O que vem aí é IRRELEVANTE

Proposta de Capa Irrelevante 003 por Ademir Gomes

Proposta de Capa Irrelevante 003 por Ademir Gomes

De acordo com Fernando Pessoa, “O essencial na arte é exprimir; o que se exprime não interessa”. Se não interessa é IRRELEVANTE.

O projeto IRRELEVANTE trata-se de uma revista em quadrinhos digital reunindo algumas de minhas histórias produzidas no decorrer dos últimos anos. O foco está na liberdade de expressão para trazer histórias mais dramáticas, humorísticas ou que tragam algum tipo de reflexão. Ou seja: arte na melhor expressão da palavra.

Nesta primeira edição, estou reunindo hqs premiadas como “Abraços por R$ 0,50”, “5 segundos”, “Consultório Sentimental com Myrna”, dentre outras.

Ainda estou compilando a edição e, para isto, encomendei uma ilustração inédita e exclusiva para servir de capa. Quem está trabalhando nela é o ilustrador Ademir Gomes e, ao lado, vocês podem ver um dos esboços propostos para servir de capa inspirada na hq “Abraços por R$ 0,50”.

Em breve traremos mais novidades a respeito.

Prévia da nova hq dAs Novas Amazonas: Cães selvagens – Página 4, Arte-final

Cães Selvagens(Por Leo S e Mauro Barbieri) Pag 04 - arte final

Cães Selvagens(Por Leo Santana e Mauro Barbieri) Pag 04 – arte final

Recentemente recebi de Mauro Barbieri as primeiras 6 páginas arte-finalizadas da próxima aventura das Novas Amazonas, com o título de “Cães Selvagens”. Aqui está a página 4 para que vocês possam conferir.

Temos, nesta página, Olímpia e Jasmim conversando e descobrimos um pouco mais sobre a personalidade das duas guerreiras. É uma página de construção de personagens e é muito importante, ainda mais numa história de ação, aproveitar bem estes momentos para que o leitor possa começar a divisar melhor a individualidade de cada uma.

Até que algo chama a atenção delas.

E aí? O que estão achando?

Para ler as hqs das Novas Amazonas, clique nos títulos: “Homem bom é homem morto”,  “Antigas Histórias” e “Mais intenso que a vida, maior que a própria morte”.

Quer saber mais sobre As Novas Amazonas? Clique aqui. E veja a galeria com as personagens aqui. Se quiser, mande uma ilustração para a gente postar na galeria.

Nova Hq Online: Cabala em “Dormir, talvez sonhar”, Página 1

Detalhe - Dormir, talvez sonhar (Por Leo Santana e Wendell Cavalcanti) Pag 01

Detalhe – Dormir, talvez sonhar (Por Leo Santana e Wendell Cavalcanti) Pag 01

Iniciamos a publicação semanal de mais uma hq online. Desta vez trazemos até vocês a super-heroína chamada Cabala. Nesta primeira página, descobrimos que uma série de estranhos acontecimentos estão causando grandes problemas em todo o Brasil.

Com roteiro meu e arte de Wendell Cavalcanti. Esta hq é atualizada semanalmente e para lê-la, clique aqui.

Por favor deixem seus comentários. Eles são muito importantes para mim.

Se gostou e quer ajudar, compre minhas revistas na seção Revistas à Venda.