Progresso da campanha das Novas Amazonas no Catarse e prévia de página exclusiva

Novas Amazonas no catarse 20porcento

Estou meio sumido por aqui por causa do lançamento da campanha das Novas Amazonas no catarse que já atingiu a marca de 20% da meta! O envolvimento na divulgação nas redes sociais tem me tirado um pouco daqui do blog e continua sendo um desafio estar em todas as redes. Mas vamos tentar corrigir isto agora com uma prévia de uma das páginas das Novas Amazonas.

Continuar lendo

Anúncios

Falta 1 semana para a campanha das Novas Amazonas no catarse!

27629519_1195601693876029_783543681641568676_o
Daqui há uma semana estará iniciando a campanha para o lançamento do álbum das Novas Amazonas no Catarse. A campanha vai começar na segunda-feira, dia 05/03/2018 e irá reunir as bravas guerreiras numa edição com 120 páginas e 6 histórias, além de matérias exclusivas, galeria de imagens, notas de bastidores e muito mais.
Com roteiros assinados pelo premiado roteirista Leonardo Santana, as histórias são ilustradas por grandes artistas nacionais como: Alex Barros, Allan Goldman, Daniel Brandão, Mauro Barbieri e Ricardo Anderson.
As Novas Amazonas é, ao mesmo tempo, não só uma série de ficção científica e aventura fantástica, mas também um drama que discute temas como o papel da mulher numa sociedade dominada por homens, homossexualismo, ecologia e muitos outros assuntos sensíveis aos nossos dias.
E o mais importante: OS APOIADORES DO CATARSE IRÃO ADQUIRIR O ÁLBUM COM PREÇO PROMOCIONAL E TERÃO VÁRIAS RECOMPENSAS EXCLUSIVAS!
Para conhecer mais sobre essas personagens incríveis e  para ficar por dentro de todas as novidades a respeito desse projeto, curta a página delas no facebook: www.fb.com/asnovasamazonaswww.fb.com/asnovasamazonas

Novo conto inédito das Novas Amazonas com ilustração exclusiva de Carlos Eduardo

Chamada Conto Lolita

“Para Lolita, escapar da morte não era questão de sobrevivência: era o que tornava divertido e menos tediosos os seus dias. “

E assim começa mais um conto das Novas Amazonas – desta vez focado em Lolita, a mais jovem e inquieta das guerreiras.

E, para ilustrar essa história, contamos com uma belíssima ilustração feita pelo Pernambucano (praticamente meu vizinho) Carlos Eduardo Cunha. Recentemente o Carlos ganhou um concurso feito pelo Felipe Cagno e publicou uma hq na revista 321 Fast Comics. Acredito que, em breve, vamos ainda ouvir muito sobre o Carlos Eduardo.

Para ler o conto e ver a arte completa, clique aqui.

Antigas Histórias, Página 5

Antigas Histórias (Por Leo Santana e Alex Barros) Pag 05

Antigas Histórias (Por Leo Santana e Alex Barros) Pag 05

Já está disponível mais uma página da segunda hq dAs Novas Amazonas intitulada “Antigas Histórias”. Nesta página, Isolda e Zoe avançam rumo a uma ameça desconhecida mas as coisas não saem exatamente como o esperado.Roteiro meu e arte de Alex Barros.

Para ler a hq “Antigas Histórias” desde o início, clique aqui. Esta hq é atualizada semanalmente.

Para ler a primeira hq dAs Novas Amazonas intitulada“Homem bom é homem morto”, clique aqui.

Quer saber mais sobre As Novas Amazonas? Clique aqui. E veja a galeria com as personagens aqui.

Se gostou e quer ajudar, compre minhas revistas na seção Revistas à Venda.

A Geografia do Brasil na série dAs Novas Amazonas

Para saber um pouco mais sobre o mundo dAs Novas Amazonas, clique aqui.

NESSE MUNDO DEVASTADO PELA NATUREZA, A GEOGRAFIA DO BRASIL SOFREU CONSIDERÁVEIS MUDANÇAS. A PRINCIPAL DELAS É O AVANÇO DAS ÁGUAS. APÓS A DEVASTAÇÃO DOS TSUNAMIS, A MAIORIA DAS CIDADES LITORÂNEAS FOI INUNDADA E ESTÁ SOB AS ÁGUAS.

A TEMPERATURA MÉDIA AUMENTOU ENTRE 2 E 5 GRAUS.
O AUMENTO DA ACIDEZ NAS ÁGUAS DO OCEANO AFETOU A POPULAÇÃO DE PEIXES LITORÂNEOS LEVANDO-OS À QUASE TOTAL EXTINÇÃO. A ACIDEZ TAMBÉM AFETOU CAMARÕES, CARANGUEJOS E LAGOSTAS. 80% DAS ESPÉCIES MIGRATÓRIAS COMO BALEIAS E TARTARUGAS EXTINGUIRAM-SE DEVIDO A ALTERAÇÃO DAS CORRENTES MARÍTIMAS, REDUÇÃO DA OFERTA DE ALIMENTOS E DESAPARECIMENTO DAS PRAIAS.

NORTE
A ÁGUA DO MAR AVANÇOU PELO LEITO DO RIO AMAZONAS DEIXANDO BOA PARTE DA FLORESTA SUBMERSA.

SUL
NO SUL DO PAÍS, ARGENTINA, URUGUAI E RIO GRANDE DO SUL FORAM INVADIDOS PELO ATLÂNTICO, CRIANDO UM GOLFO LOCAL. AS CATARATAS DO IGUAÇU DESAGUARIAM DIRETO NO MAR.

SUDESTE
CICLONES EXTRA-TROPICAIS AGORA ASSOLAM O NOVO LITORAL DAS REGIÕES SUL E SUDESTE TRAZIDOS PELO AUMENTO DA TEMPERATURA NO OCEANO ATLÂNTICO.
O AUMENTO DO CALOR TAMBÉM TORNOU SÃO PAULO IMPRÓPRIO PARA O PLANTIO DE CAFÉ E OUTRAS FRUTAS COMO MAÇÃ E PÊSSEGO.
A PRECIPITAÇÃO DE ÁGUAS NA REGIÃO SUDESTE, AGORA SE CONCENTRA EM PERÍODOS MENORES, GERANDO GRANDES TEMPORAIS E PERÍODOS IRREGULARES DE SECA.

NORDESTE
O NORDESTE ESTÁ QUASE QUE TOTALMENTE DESERTIFICADO.

CENTRO OESTE
BRASILIA TAMBÉM SE TORNOU UM DESERTO ROCHOSO E DE VEGETAÇÃO RASTEIRA E AGRESTE.

As Novas Amazonas – Um pouco de sua confusa e não publicada cronologia

Página da hq HOMEM BOM É HOMEM MORTO, desenho por RICARDO ANDERSON

Página da hq HOMEM BOM É HOMEM MORTO, desenho por RICARDO ANDERSON

As Novas Amazonas é uma criação minha que ganhou a vida através das mãos de Ricardo Anderson e foi publicada pela primeira vez em 2006 na revista “A Mosca no Copo de Vidro e outras histórias…”, editada por Eloyr Pacheco.

Na breve história de 8 páginas intitulada “Homem bom é homem morto”, vemos homens sádicos perseguindo uma mulher e sendo salva por um grupo de mulheres auto-intituladas “As Novas Amazonas”.

O segundo roteiro escrito foi intitulado “Histórias antigas” e trata-se de uma história de origem. Nela vemos uma rápida explicação de como o mundo ficou desse jeito e acompanhamento Helena contando para a nova integrante do grupo um pouco de sua história. Essa hq tinha 15 páginas e ficou hibernando por muitos anos (como quase todos os meus trabalhos) e até chegou a ser desenhada por um grande amigo meu para ser publicada numa edição da revista “Space Opera” que eu editava mais ou menos em 2008 porém o projeto acabou sendo abandonado.

Então, em 2012 (eu acho), surgiu a oportunidade de escrever uma hq de 5 páginas para um projeto do grupo independente “Quarto mundo” e eu imediatamente pensei num roteiro de poesia e violência entre duas integrantes do grupo. O roteiro era intitulado “Mais intenso que a vida, maior que a própria morte” e foi desenhada por ninguém mais, ninguém menos, por Allan Goldman. Porém, uma vez mais o projeto foi abandonado. Algum tempo depois, um outro editor de um projeto de ficção científica pediu uma hq curta e eu lhe mandei essa hq. A princípio ele me disse que a proposta não cabia dentro da desejada pela revista mas depois voltou atrás e disse que poderia usar a hq desde que a mesma tivesse 8 páginas. Depois de muito matutar em como aumentar a quantidade de páginas sem mexer na proposta e emoção da história, mandei a nova hq que ficou em banho maria por alguns meses e o projeto acabou sendo cancelado. Ela ainda voltaria a ser cogitada pelo mesmo editor no final do ano passado para ser usada em outro projeto mas, até agora nada.

Detalhe de página da hq MAIS INTENSO QUE A VIDA, MAIOR QUE A PRÓPRIA MORTE..., desenhada por ALLAN GOLDMAN.

Detalhe de página da hq MAIS INTENSO QUE A VIDA, MAIOR QUE A PRÓPRIA MORTE…, desenhada por ALLAN GOLDMAN.

Decidido a publicar minhas hqs em meu blog, tentei retomar a publicação das novas amazonas e perguntei ao desenhista da segunda hq se poderíamos publicar após algumas mudanças mas ele achou melhor não usar a hq por que ele já tinha evoluído bastante desde a produção da hq e sugeriu que eu procurasse outro desenhista para recomeçar a hq do zero. Não o culpo por isso. A hq realmente ficou no limbo por anos.

Para não se perder, segue a cronologia das novas amazonas até o momento:

1) Homem bom é home morto: publicada nas revistas “A mosca no copo de vidro e outras histórias” e na “Space Opera 1”. Essa hq eu pretendo publicar no blog logo após a hq do FPD;

2) Antigas histórias: Em produção (Vide imagens abaixo), ainda não publicada;

3) Mais intenso que a vida, maior que a própria morte: Pronta mas ainda não publicada.

 

Assim sendo, chegamos ao dia de hoje onde publico os primeiros esboços da segunda hq das amazonas. Os desenhos são do desenhista Alex Barros.  Espero que gostem. Eu gostei. Vamos torcer para que os deuses dos quadrinhos permitam que eu consiga terminar essa hq.

Detalhe de Helena por Alex Barros para a hq "histórias Antigas" das Novas Amazonas

Detalhe de Helena por Alex Barros para a hq “Antigas Histórias” das Novas Amazonas

Detalhe  da hq "histórias Antigas" das Novas Amazonas por Alex Barros

Detalhe da hq “Antigas Histórias” das Novas Amazonas por Alex Barros

Detalhe  da hq "histórias Antigas" das Novas Amazonas por Alex Barros

Detalhe da hq “Antigas Histórias” das Novas Amazonas por Alex Barros